A Cidade

por intercamaras — publicado 05/11/2009 07h38, última modificação 28/08/2018 16h24

Breve Histórico

A povoação teve início em 1924, com a vinda dos irmãos João, Cesário e Joaquim Stival, italianos de Veneza, que adquiriram a fazenda de Manoel Ivo, por dez contos de réis, doando 4,5 alqueires para a formação do patrimônio. Nas imediações da fazenda, já viviam as famílias Loures, Sousa, Alves, Santos, Ferreira, Vargas, Peixoto, Constantino, Faquim. Bosco e Bisnoto que, com o fundador, constituíram os primeiros habitantes. O início do traçado urbano foi assinalado pela construção de uma capela dedicada a Nossa Senhora do Carmo, cumprindo promessa de João Stival, seguindo-se outras construções, cuidando-se paralelamente das atividades agrícolas e pecuárias, suporte da economia da povoação nascente. A povoação tornou-se conhecida, inicialmente, como “Colônia dos Italianos”. Passando a denominar-se, posteriormente, Nova Veneza, em reverência à terra natal de seus fundadores. Em 1930, pela Lei Municipal nº. 9, de 12 de setembro, passou a ser sede do distrito de Brasabrantes (ex-São João). Treze anos depois, pelo Decreto-Lei Estadual nº. 8305, de 31 de dezembro de 1943, teve o topônimo alterado para Goianaz e o território diminuído, em virtude da restauração do antigo Distrito de São João. Com a crescente atividade agrícola e pastoril, o Distrito de Goianaz atingiu grande prosperidade, obtendo sua emancipação através da Lei Estadual nº. 2095, de 14 de novembro de 1958, instalando-se oficialmente em 4 de janeiro de 1959, restaurando o topônimo Nova Veneza.

Gentílico: nova-venezino

 

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Nova Veneza ex-povoado de Santarbara da Cachoeira, pela lei municipal nº. 250, de 12-05-1927, subordinado ao município de Anápolis. Em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937, o distrito figura no município de Anápolis. No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Nova Veneza permanece no município de Anápolis. Pelo decreto-lei estadual nº. 8305, de 31-12-1943, o distrito de Nova Veneza passou a denominar-se Goianás. Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o distrito de Goianás, figura no município de Anápolis. Elevado à categoria de município com a denominação de Nova Veneza, pela lei estadual nº. 2095, de 14-11-1958, desmembrado de Anápolis. Sede no antigo distrito de
Goianás, ex-povoado. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1959. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito
sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alterações toponímicas distritiais

Nova Veneza para Goianás alterado, pelo decreto-lei estadual nº. 8305, de 31-12-1943. Goianás para Nova Veneza alterado, pela lei estadual nº. 2295, de 14-11-1958.